Apesar do momento econômico desafiador imposto pela pandemia, o setor de energias renováveis no Brasil registrou um aumento de 35% na contratação de executivos no primeiro semestre do ano, em comparação com igual intervalo de 2019. O número foi levantado pela empresa de recrutamento Michael Page. A tendência para o futuro é que esse ritmo de crescimento na procura por profissionais para esse setor continue, mesmo que com números um pouco menores. “Não sei se será um crescimento no mesmo ritmo que estamos percebendo nos últimos anos, mas com certeza esta ainda é uma área que irá demandar muitos profissionais”, avaliou o gerente executivo da Michael Page, Guilherme Filgueiras. O entrevistado também destaca quais são as funções que mais estão sendo demandadas atualmente no mercado: “Principalmente as posições de operações (engenharia e supply chain), finanças e vendas. Foram estes os setores onde percebemos uma maior busca por profissionais”, apontou.

Gostaria de começar essa entrevista pedindo uma leitura sua sobre esse aumento de contratações, mesmo diante de um cenário desafiador imposto pela pandemia.

O setor de energia como todo – e não somente o segmento de renováveis – sempre tem negociações de médio e longo prazo. Então, independente do coronavírus, os negócios continuam acontecendo e, por isso, as contratações são necessárias mesmo em uma época de pandemia. Além disso, todo o mundo está em uma pegada muito mais sustentável e cuidadosa em relação às fontes de energia. Cada vez mais, percebemos esse crescimento das fontes renováveis. Não é algo que estamos vendo só nesse ano.

Aqui no Brasil, além da nossa extensão territorial, somos um país muito propício para que os investimentos em renováveis aconteçam. Primeiro, porque as condições ambientais e climáticas do Brasil nos favorecem nesse sentido. Em segundo, nosso país tem ainda muito espaço disponível para as novas geradoras, transmissoras e distribuidoras de energia.

Esse crescimento é recente ou já estava acontecendo em anos anteriores?

Esse crescimento nas contratações em energias renováveis não é só de agora. Nos últimos anos, isso se intensificou bastante, com a chegada de novos players e, também, pelo crescimento dos players que já estavam por aqui e aumentaram seus times.

Com a aceitação da energia renovável em si por parte de todos os players que podem usar esse tipo de fonte, muitos investimentos foram gerados dentro do setor. E quando falamos em energia renovável no Brasil, estamos falando principalmente das fontes solar e eólica.

O senhor acha que esse movimento de crescimento no número de contratações tende a continuar no futuro?

Acredito que sim. Não sei se será um crescimento no mesmo ritmo que estamos percebendo nos últimos anos, mas com certeza ainda esta é uma área que irá demandar muitos profissionais. Eu vejo o setor sendo muito oportuno para quem possui conhecimento dentro dos mercados de energia e grandes projetos. Ainda vejo muito espaço para contratação.

É importante lembrar que este é um mercado que demanda bons profissionais. Ou seja, pessoas altamente capacitadas, com algum tipo de experiência correlata ou que sejam destaque em suas respectivas funções. Este não é um mercado que, pelo fato de estar demandante de bons profissionais, irá contratar como aumento de quadro de funcionários. Na verdade, as empresas têm necessidades de determinadas posições. Então, estão sendo feitos processos super criteriosos.

Qual tem sido o peso das empresas que investem em energias renováveis dentro desse cenário de escalada de contratação de profissionais para o setor?

Como eu lhe disse, o mercado de energia é muito demandado, já que todos precisam de energia para operar. Com a chegada das empresas de fontes renováveis, que oferecem energia com um custo interessante, as demais companhias se sentem naturalmente atraídas. Além do lado ambiental e ecológico, existe ainda a parte de custos, que é muito interessante para as empresas que contratam essas fontes. Vejo que as empresas, principalmente as que estão no mercado livre, buscam esse tipo de fonte renovável.

Dessa forma, se há demanda por essas ofertas renováveis que estão sendo colocadas, naturalmente os players do setor vão investir mais para que possam alcançar uma penetração maior. Hoje, aproximadamente 45% da matriz energética do Brasil é de energia renovável. É claro que não vamos, em curto espaço de tempo, mudar a nossa geração para 100% renovável. Mas, naturalmente, esse percentual vai crescer, gerando mais investimentos e novas contratações, sem dúvida.

Por fim, poderia detalhar quais foram as principais posições que tiveram mais destaque nesse crescimento de 35% nas contratações dentro do mercado brasileiro de renováveis?

Principalmente em posições de operações (engenharia e supply chain), finanças e vendas. Foram estes os setores onde percebemos uma maior busca por profissionais.

Atualmente, vejo muito mais posições dentro de operações, porque há muitos projetos sendo construídos. Por isso, há essa demanda pelos profissionais de operações, que correspondem às etapas de projeto, compra de materiais, gestão, manutenção e operação.

Naturalmente, para um projeto desse acontecer, também é necessário ter um profissional da área financeira, pois são empreendimentos alavancados. Depois, quando o projeto está praticamente pronto e a empresa pode começar a comercializar energia, aí começa a contratação dos profissionais de vendas. 

Então, hoje eu destaco que há uma demanda muito grande por pessoas de operações. Além disso, também percebemos cada vez mais a estruturação financeira, com a contratação de profissionais de finanças; além da contratação do pessoal da área comercial, para abrir as portas com os clientes e entender quais são as demandas do mercado.

Nas empresas que já possuem os projetos instalados ou perto do fim, vamos perceber uma demanda maior da parte comercial em relação às operações e finanças. Já naquelas companhias com projetos ainda no começo ou em estágio intermediário, os setores de operações e finanças são os mais demandados, respectivamente.

Fonte: Petro Notícias

Setor de energia renováveis aumenta contratações de executivos no Brasil e terá mais oportunidades pela frente

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *